Sábado, 21 de Maio de 2022
22°

Chuva

Mari - PB

Cidades Investigação

MPT apura assédio a funcionário que provou pizzas comidas por Bolsonaro durante visita à Paraíba

A investigação foi motivada a partir de denúncias recebidas pelo órgão que relatavam que o funcionário do estabelecimento teria sido instigado a provar o alimento que seria oferecido ao presidente.

11/05/2022 às 21h32
Por: Jackson Souza Fonte: Notícia Paraíba
Compartilhe:
MPT apura assédio a funcionário que provou pizzas comidas por Bolsonaro durante visita à Paraíba

O Ministério Público do Trabalho (MPT) vai instaurar um inquérito para investigar suposto prática de assédio moral contra o funcionário de um restaurante de João Pessoa que teria sido orientado pelo estabelecimento a ‘provar’ pizzas oferecidas ao presidente Jair Bolsonaro (PL), durante visita à Paraíba na última sexta-feira (6).

A investigação foi motivada a partir de denúncias recebidas pelo órgão que relatavam que o funcionário do estabelecimento teria sido instigado a provar o alimento que seria oferecido ao presidente.

Após as denúncias, o MPT deverá notificar o restaurante a prestar esclarecimentos sobre a eventual prática de assédio moral contra o empregado.

Caso seja comprovado que houve assédio moral, o estabelecimento poderá sofrer penalidades para o caso de descumprimento das obrigações previstas a partir de um Termo de Ajustamento de Conduta que poderá ser firmado.

A equipe presidencial não é alvo da ação do Ministério Público do Trabalho.

O Notícia Paraíba entrou em contato com o estabelecimento e fomos informados de que apenas a gerente poderia dar detalhes sobre o caso, mas a mesma não se encontrava no local.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias