Domingo, 26 de Setembro de 2021
24°

Muitas nuvens

João Pessoa - PB

Opinião OPINIÃO

Toda vida importa!

Setembro é o mês de prevenção ao suicídio, mas a prevenção deve acontecer o ano inteiro para que possamos dar voz a quem grita por ajuda.

03/09/2021 às 14h11 Atualizada em 03/09/2021 às 15h09
Por: Matheus Silva Fonte: Redação
Compartilhe:
Toda vida importa!

Falar de saúde mental é falar de emoções e sentimentos. Não é só ausência de transtornos mentais. É sensação de bem-estar e harmonia. É habilidade em manejar adversidades e conflitos, reconhecer e respeitar limites e deficiências. É satisfação em viver, compartilhar e se relacionar com os outros.

Segundo a OMS, “saúde mental e bem-estar são fundamentais para nossa capacidade coletiva e individual”.

Hoje, observa-se um aumento preocupante de sofrimento psíquico, físico e social. E quando este sofrimento se torna insuportável, o autodestrutivo contra si surge como alternativa para 12 mil pessoas no Brasil e 1 milhão no mundo a cada ano – o suicídio é a segunda causa de morte entre jovens de 15 a 29.

Cerca de 90% dos casos têm a depressão profunda como sua principal causa, mas há outras como desemprego, problemas no trabalho, doença grave, perdas, divórcio, ausência de um projeto de vida, abuso psicológico ou sexual e uso excessivo de álcool e outras drogas.

É normal que a tristeza também tenha lugar em nossas vidas. Ela só não pode virar uma doença. É necessário falarmos sobre isso, olho no olho, encarar este sintoma que revela a cruel realidade de dor e angústia em que tantas pessoas vivem. Só assim, quem passa por um sofrimento extremo sabe que não está sozinho, encontra acolhimento para sua dor e elabora estratégias para superar.

Fique atento a sinais de alerta como desabafos de que não aguenta mais, que se sente um fardo, além de falta de propósito, isolamento, perda de interesse em tudo, mudanças repentinas de humor, dormir pouco ou muito, ações imprudentes e doações de bens valiosos, por exemplo.

Para acolher e conversar com quem apresenta sinais como estes, escolha um lugar calmo onde a pessoa sinta-se confortável; foque na pessoa, faça contato visual; seja paciente; não julgue; não precisa dar conselhos, apenas acolha; não ofereça uma solução para todos os problemas, o importante é ouvir; não empurre suas próprias ideias sobre como o outro deve estar se sentindo.
Nem todos dão indícios de suas intenções, mas a maioria exibe sinais de alerta. Leve esses sinais a sério! 

Radialista Matheus Silva 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
João Pessoa - PB Atualizado às 23h10 - Fonte: ClimaTempo
24°
Muitas nuvens

Mín. 23° Máx. 28°

Seg 29°C 23°C
Ter 29°C 22°C
Qua 28°C 23°C
Qui 29°C 24°C
Sex 30°C 24°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias