Terça, 27 de Julho de 2021 06:34
POLICIAL POLICIAL

Operação Máchi prende 8 envolvidos em ataques a bancos, tráfico, roubos de gado e lavagem de dinheiro

Eles estavam em um local que era usado como esconderijo após os crimes e também para cultivar maconha.

11/07/2021 14h02
Por: Redação
Operação Máchi prende 8 envolvidos em ataques a bancos, tráfico, roubos de gado e lavagem de dinheiro

As Polícias Militar, Civil, Rodoviária Federal e o Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba desarticularam uma quadrilha interestadual que tem atuação em crimes contra agências bancárias, tráfico de drogas, roubos de gado e lavagem de dinheiro em vários Estados. Oito integrantes do bando foram presos, nesse sábado (10) e neste domingo (11), em uma propriedade localizada na cidade de Jaduís, no estado do Rio Grande do Norte. Eles estavam em um local que era usado como esconderijo após os crimes e também para cultivar maconha.

Os policiais paraibanos, que são do Comando de Policiamento Regional II (Patos) e da 3ª Superintendência Regional de Polícia Civil, chegaram até a quadrilha após um trabalho integrado das Forças de Segurança. Os presos são dos Estados da Paraíba, Bahia e Distrito Federal

Na propriedade onde eles foram presos com armas e drogas, foi localizada uma plantação com 100 mil mudas de maconha para cultivo. No local, tinha acampamento e alimentos para o bando. Foram recolhidas drogas para a perícia e o material utilizado para o cultivo foi destruído.

Atuação em diversos crimes – A organização criminosa objetivava adquirir muito dinheiro e para isso expandiu a atuação para crimes contra agências bancárias da Paraíba e do Rio Grande do Norte. Eles estariam planejando para os próximos dias um assalto a um banco da Paraíba.

A segurança do grupo era feito por um policial militar do Distrito Federal, que também foi preso na operação. Ele veio para a Paraíba para atuar com a quadrilha.
A Operação Máchi, que significa no grego “combate”, deve continuar, mesmo com as oito prisões deste fim de semana.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias