Quarta, 25 de Novembro de 2020 04:17
(83) 99608-4846
ELEIÇÕES 2020 MOBILIDADE E ESTUDO

Mais de 13 mil eleitores na Paraíba têm algum tipo de deficiência e 216.698 são analfabetos

Já o quantitativo de 199 eleitores transexuais e travestis poderão utilizar o nome social no título de eleitor e no caderno de votação.

14/11/2020 07h27
Por: JACKSON SILVA
Mais de 13 mil eleitores na Paraíba têm algum tipo de deficiência e 216.698 são analfabetos

Dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) indicam que 13.079 eleitores na Paraíba tem algum tipo de deficiência física. Para se ter uma ideia, o número de eleitores com deficiência de locomoção atinge 5.557 pessoas, com dificuldade para o exercício do voto chega a 1.848, com deficiência auditiva são 1. 624 eleitores e outros tipos de deficiência representam 4.155 pessoas.

Já o quantitativo de 199 eleitores transexuais e travestis poderão utilizar o nome social no título de eleitor e no caderno de votação. A opção foi adotada pela primeira vez em 2018, naquele ano, 188 pessoas dela se valeram.

Analfabetos, jovens e idosos

Ainda segundo dados do TSE, a quantidade de eleitores analfabetos no Estado é de 216.698, com condições legais de votar no pleito de domingo. Esse número representa 7,3%, quando observado apenas o grau de instrução do eleitor.

Com relação ao voto facultativo por conta da faixa etária e aptos a votar, 42.322 jovens têm entre 16 e 17 anos e 246.274 têm idade superior a 70 anos. No recorte das faixas etárias, estes números são respectivamente 1,42% e 8,3% do valor completo (100%).

A Constituição Federal de 1988 prevê que o voto é obrigatório para aqueles que não são analfabetos,  maiores de 18 anos e menores de 70. O voto é facultativo para os analfabetos,  jovens com idade a partir de 16 anos e menor que 18 e idosos que possuam a partir de 70 anos de idade.


Paulo de Pádua

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias