Prefeito e vice de Pombal terão de devolver dinheiro por aumentarem os salários durante a pandemia

O Ministério Público solicitou a aprovação, porém com a condição de devolução de quase R$ 65 mil aos cofres públicos.

29/05/2024 às 21h35
Por: Jackson Souza
Compartilhe:
Prefeito e vice de Pombal terão de devolver dinheiro por aumentarem os salários durante a pandemia

As contas referentes ao ano de 2021 da administração municipal de Pombal receberam aprovação com ressalvas do Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB) durante o julgamento da semana passada.

O Ministério Público solicitou a aprovação, porém com a condição de devolução de quase R$ 65 mil aos cofres públicos. Desse montante, R$ 43.200 seriam responsabilidade do prefeito Abmael Lacerda (Verissinho) e R$ 21.600 do vice-prefeito, Claudenildo Alencar (Galego).

Continua após a publicidade
Anúncio

O motivo da condenação pecuniária foi o aumento dos salários dos gestores municipais, mesmo durante a pandemia, em desrespeito a uma lei nacional que proibiu reajustes de vencimentos no setor público em todo o país.

 
Com Polêmica Paraíba
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Mari, PB
21°
Parcialmente nublado

Mín. 20° Máx. 27°

22° Sensação
3.14km/h Vento
91% Umidade
100% (9.14mm) Chance de chuva
05h31 Nascer do sol
05h14 Pôr do sol
Dom 27° 21°
Seg 27° 20°
Ter 28° 20°
Qua 28° 20°
Qui 27° 19°
Atualizado às 07h03
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,43 +0,00%
Euro
R$ 5,81 0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,13%
Bitcoin
R$ 369,817,02 +0,56%
Ibovespa
121,341,13 pts 0.74%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias