Defesa diz que médico estava sendo extorquido pela ex-companheira

Ele afirmou que o cliente alega que a mulher, após o divórcio, começou a extorquir o médico e pedir que ele pagasse a sua faculdade de mensalidade de R$10.800, sob a ameaça de transformar a vida do médico em um inferno quando ele parou de pagar o valor.

11/09/2023 às 15h49
Por: Redação JKR Fonte: Paraiba Online
Compartilhe:
Defesa diz que médico estava sendo extorquido pela ex-companheira

 

Aécio Farias, advogado de defesa do médico João Paulo Casado, investigado por agressões contra a ex-companheira, declarou que o seu cliente disse que estava sendo vítima de extorsões por parte da mulher.

Continua após a publicidade
Anúncio

Ele afirmou que o cliente alega que a mulher, após o divórcio, começou a extorquir o médico e pedir que ele pagasse a sua faculdade de mensalidade de R$10.800, sob a ameaça de transformar a vida do médico em um inferno quando ele parou de pagar o valor.

Aécio ainda disse que o médico alegou que a mulher agredia o seu filho de nove anos, fruto de seu primeiro casamento. Também frisou que já havia uma medida protetiva expedida para proteger a criança.

Mari, PB
23°
Tempo nublado

Mín. 18° Máx. 27°

23° Sensação
6.4km/h Vento
75% Umidade
100% (1.18mm) Chance de chuva
05h34 Nascer do sol
05h19 Pôr do sol
Dom 27° 18°
Seg 27° 19°
Ter 27° 19°
Qua 26° 19°
Qui 27° 18°
Atualizado às 17h03
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,43 +0,00%
Euro
R$ 5,93 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,05%
Bitcoin
R$ 337,781,50 +1,90%
Ibovespa
128,896,98 pts 0.47%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias