Home Cidades Política pública para o campo implementada em Mari ganha destaque e vira...

Política pública para o campo implementada em Mari ganha destaque e vira referência na região

A gestão do prefeito de Mari, Antonio Gomes, tem implementado um arrojado projeto de política pública voltada para o homem do campo, capitaneada pelo Secretário do Desenvolvimento Econômico e Agrário, Severino Ramo, mudando a lógica da ação do poder público nesse segmento.

 

Desde o início da gestão em 2017 que o Governo Municipal tem procurado inserir o município em ações que tenham resultados a médio e longo prazo, saindo da política assistencialista implementada ao longo dos anos onde o homem do campo só tinha direito ao corte de terra e com a intervenção política dos gestores de plantão.

 

Nessa nova lógica, a gestão municipal em parceria com Governo do Estado da Paraíba, da Emepa-PB, da EMATER –PB, criou o projeto de Cajucultura, beneficiando os agricultores familiares dos Assentamentos Tiradentes e Zumbi dos Palmares, onde foram distribuídas para planta 10 mil mudas do caju anão precoce. A meta era distribuir em 25ha, de cada Assentamento.

No que tange alguns atropelos na execução do referido projeto, o Secretário Severino Ramo tem respondido as críticas apresentando casos de agricultores que plantaram e deu frutos. “O município não é o produtor do cajú, a nossa política é de assistência técnica, orientação e suporte para que os próprios agricultores possam produzir e comercializar o fruto da produção”, esclarece.

O cultivo do Urucum é outra política pública implementada dentro do Projeto Propriedade Produtiva da Secretaria de Desenvolvimento Agrário do município. Na comunidade de Açude Grande se tornou unidade referência nesse tipo de cultivo (cultivar: Piave Verde Limão). A cultivar utilizada apresenta várias vantagens comparativas com as que existem na região, como a precocidade na brotação de flores e cachos, maior produtividade de sementes, além do alto teor de BIXINA. Mas não só Açude Grande se tornou referência no plantio de Urucum, outras localidades da zona rural também seguiram o exemplo tendo  vários agricultores  de comunidades diferentes feito o plantio.

Em Lagoa do Felix, o plantio de Sorgo “Agri 002E” (sorgo boliviano gigante) é uma outra atividade incentivada pela Gestão Municipal. A localidade se tornou uma unidade de referência para a produção de forragem, para alimentar os animais num período de maior carência de alimento para os mesmos, a partir do uso de técnica de ensilagem, para conservar a qualidade nutricional.

Na área experimental, logo no início dos trabalhos foi realizado o cultivo de cinco materiais genético diferente A cultivar Sorgo Agri 002E que apresenta alto teor de biomassa; 1 hectare produz entre 100 e 120 toneladas de massa verde, no terceiro mês do plantio. No experimento, os técnicos realizaram 5 tipos de plantios diferentes, procedimento este que busca encontrar o melhor resultado com cultura do Sorgo.

Na atualidade a produção segue  com resultados bastante satisfatórios e os produtores de animais tem reconhecido a importância dessa ação.

O projeto da Casa de Farinha que fora construída através do APL (Arranjo Produtivo Local), apoiado financeiramente pela SEDAP/BNDES que estava fechada havia alguns anos, e que passara a funcionar na atual gestão foi outra política pública importante gerenciada pela prefeitura.

Com a Casa de Farinha funcionando toda a produção de mandioca dos agricultores familiares pode ser absolvida para fabricação da farinha no próprio município.

A construção da geodésica simboliza implantação de um sistema produtivo integrado para o cultivo de hortaliças, plantas medicinais, Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANC) frutíferas, mandioca, inhame, batata doce, criação de bovino, suíno, de peixes e de galinha caipira; além da instalação de um biodigestor para geração de “gás de cozinha” e de placas fotovoltaica para a geração de energia solar.

 

O processo de capacitação foi desenvolvido buscando integrar várias práticas do cultivo da terra, produção de medicamentos homeopáticos, criação de animais; com isso, dinamizar, potencializar o espaço utilizado e valorizar a relação do humano com a natureza, com práticas agroecológicas e holísticas.

A inauguração do espaço foi incrementada com a realização do Curso de Práticas Integrativas Populares em Saúde e Fitoterapia. O curso foi ministrado por Emanuel Falcão, da UFPB/PRAC e contou com a participação de representantes dos Povos Tabajaras, com destaque para as presenças do Cacique e o Pajé daquela comunidade indígena.

Todo esse trabalho e outros mais que não foi possível expor nesta reportagem, tem recebido o reconhecimento dos produtores e se tornado referencia na região.
Em novembro do ano passado, o Secretário de Desenvolvimento Econômico e Agrário, Severino Ramo, participou com uma comitiva da gestão municipal do Encontro de Homens e Mulheres de negócios do Brejo Paraibano na cidade de Areia. Na abertura do evento, o secretário foi lembrado como um exemplo de gestor empreendedor, graças ao trabalho realizado por sua pasta nessa questão da geração de renda e empreendedorismo.
Em fevereiro deste ano, as experiências positivas do Projeto Propriedades Produtivas tocado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Agrário foram apresentadas em evento realizado na cidade de Mamanguape, na região do Litoral Norte do Estado.
No mês passado o município de Mari recebeu a visita do secretário de Agricultura do município de Areia, Artur Brito. A visita do secretário teve como objetivo conhecer as ações do projeto Propriedade Produtiva, de modo especial, o Arranjo do Projeto Local da Mandiocultura.
A política pública de apoio ao homem do campo implementada pela gestão atual tem sido esse referencial para cidades de toda a região e na prática o principal beneficiado é o homem do campo.
JKR NOTÍCIAS / Expressopb

Deixe seu comentário

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

ÚLTIMAS DO JKR

Em Sapé: Pescador morre vítima de afogamento em açude

Uma tragédia ocorreu na manhã deste sábado (04) na cidade de Sapé, Zona da Mata da PB, mais precisamente na área rural do município. Segundo...

Guarabira: Teotônio denuncia possível irregularidade em licitação de quase R$ 7 milhões

As recentes edições do programa ‘A Hora da Mudança’ e de sua live semanal no Facebook, o pré-candidato a prefeito de Guarabira (PB), Teotônio...

João Azevêdo anuncia na próxima segunda-feira a retomada de mais de 200 obras que estavam paradas por causa da pandemia

O governador da Paraíba, João Azevêdo, anuncia nesta segunda-feira (6), às 10h, por meio de transmissão ao vivo em seus perfis oficiais e nas...

Política pública para o campo implementada em Mari ganha destaque e vira referência na região

A gestão do prefeito de Mari, Antonio Gomes, tem implementado um arrojado projeto de política pública voltada para o homem do campo, capitaneada pelo...

Paraíba confirma 1.229 novos casos de Covid-19 em 24h; total de mortes chega a 1.062 e 50.765 infectados

A Paraíba registrou 1.229 novos casos de Covid-19 e 18 óbitos confirmados desde a última atualização, todos eles ocorridos entre 26 de maio e...

Deixe seu comentário