Web Rádio Cidade Jovem
SPORTMANIA.VIP
Pizzaria
Policial

Homem é preso sob suspeita de esfaquear Bolsonaro em MG

Agentes da Polícia Federal, responsável pela segurança do presidenciável durante a campanha eleitoral, teriam impedido o suspeito de fugir e o prendido.

06/09/2018 18h00
Por: Jackson Silva, Portal JKR
269

A Polícia Militar de Minas Gerais confirmou que uma pessoa foi presa sob suspeita de atacar o candidato Jair Bolsonaro (PSL). A assessoria de imprensa do órgão, entretanto, ainda não informou detalhes. O agressor foi identificado como José Adélio Bispo de Oliveira, 40 anos. Ele foi imobilizado pela multidão no local do evento político que Bolsonaro participava e foi detido pela Polícia Federal. 

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) sofreu um atentado na tarde dessa quinta-feira (6) nas ruas de Juiz de Fora, Minas Gerais. O candidato estava no meio da multidão que o recebia quando foi atingido por uma facada na barriga. Ele foi conduzido ao hospital e submetido a cirurgia. A faca atingiu o fígado do candidato. Bolsonaro, no momento do atentado, não usava colete à prova de balas. 

Agentes da Polícia Federal, responsável pela segurança do presidenciável durante a campanha eleitoral, teriam impedido o suspeito de fugir e o prendido.

Imagens do momento do ataque mostram o homem tentando fugir e sendo contido por apoiadores do candidato, que o agrediram com socos. O suspeito seria José Adélio Bispo de Oliveira, filiado ao PDT mineiro. Mas a Polícia Federal não divulgou oficialmente o nome do responsável pelo ataque.

A corporação abriu inquérito para investigar o caso.

 

Da redação com Veja

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias