Sexta, 22 de março de 2019
(83) 99635-5176
Paraíba

17/03/2019 às 15h39

37

Redação Portal JKR

Mari / PB

Infarto mata o advogado Júnior Bento, vice-presidente da OAB Cajazeiras
A Associação Paraibana de Advocacia Municipalista emitiu nota lamentando a morte do advogado, filiado à entidade.
Infarto mata o advogado Júnior Bento, vice-presidente da OAB Cajazeiras

O advogado Ednelton Helejúnior Bento Pereira, vice-presidente da a Subseção da OAB de Cajazeiras, faleceu na manhã deste domingo vítima de um infarto.


Júnior Bento, como era mais conhecido, havia sido secretário adjunto de Administração da Prefeitura de Cajazeiras na atual gestão do prefeito Zé Aldemir.


Júnior Bento sentiu um mal-estar durante a madrugada e procurou a UPA para receber o devido atendimento, mas não resistiu a um infarto e morreu por volta de 2h deste domingo. O advogado era sócio da Bento & Pereira Advocacia, onde atuava ao lado do seu irmão gêmeo Jone Pereira.


Era, ainda, membro sênior DeMolay do Capítulo “Príncipe da Paz” n° 38 e Maçom da Loja “União Maçônica Cajazeirense” n° 20, ambos da cidade de Cajazeiras.


A Associação Paraibana de Advocacia Municipalista emitiu nota lamentando a morte do advogado, filiado à entidade.


Veja nota da Apam


A Associação Paraibana de Advocacia Municipalista (Apam) vem a público lamentar e se solidarizar com a família e amigos do advogado Ednelton Helejúnior Bento Pereira, de 37 anos, que morreu na manhã deste domingo (17), vítima de um infarto. Júnior Bento, como era mais conhecido, era vice-presidente da Subseção da OAB de Cajazeiras e filiado da Apam. Também havia sido secretário adjunto de Administração da Prefeitura de Cajazeiras na atual gestão do prefeito Zé Aldemir.
 
“A morte de Júnior Bento pegou a todos de surpresa e nos deixa muito triste. Bento era um companheiro de muitas lutas e um profissional exemplar e comprometido com as causas a que se propunha a defender. Combatemos bons combates nesses últimos anos, sobretudo na luta pelas prerrogativas dos advogados municipalistas. A Apam só tem a lamentar e se solidarizar com a família neste momento de dor”, disse o presidente da Apam, Marco Villar.
 
Júnior Bento sentiu um mal-estar durante a madrugada e procurou a UPA para receber o devido atendimento, mas não resistiu a um infarto e morreu por volta de 2h deste domingo. O advogado era sócio da Bento & Pereira Advocacia, onde atuava ao lado do seu irmão gêmeo Jone Pereira. Era, ainda, membro sênior DeMolay do Capítulo “Príncipe da Paz” n° 38 e Maçom da Loja “União Maçônica Cajazeirense” n° 20, ambos da cidade de Cajazeiras. 

FONTE: Mais PB

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium